Celebração alemã na 11ª Maifest

27/05/2010 at 12:05 AM Deixe um comentário

A Oktoberfest já é conhecida: festa alemã regada em breja que acontece em Outubro. E o Maifest? O Dan ficou surpreso quando se deu conta de que era a festa alemã de São Paulo (no bairro do Brooklin) que acontecia em Maio!!! (oooohh)

Marcamos nossa presença lá (nossos amigos já fazem piada que todo lugar que tem comida a gente tira foto) e aqui vai nossa impressão do festival.

Espeto de eisbein / joelho de porco

Espeto de joelho de porco

O legal é que sempre há oportunidade de você experimentar e conhecer coisas novas. Eu morria de nojo só de ouvir a palavra “joelho de porco”. Para mim, parecia buchada de bode só que de porco, não sei por que. Lá haviam vários joelhos sendo preparados ao mesmo tempo. Parecia tão saboroso que não resisti: comprei um espetinho por R$5,00. Uma delícia. Tão levinho que lembrava frango.

Depois pedimos o salsichão de vitela, R$6,00. Com mostarda escura fica muito bom, e fez jus ao “ão” que levava no nome.

E aí acabaram as gostosuras salgadas alemãs presentes no festival, que pareciam interessantes. Tinham vários pratos que combinavam salsicha com batata, kartoffelsalat (salada de batata), sanduíche de eisbein (joelho de porco), pfannenpickert (panqueca de adivinha… batata)… E vimos que já havíamos experimentado o suficiente. Partimos pros doces 😀

Salsichão e doce de amêndoas

Salsichão e doce de amêndoas

Doce europeu é uma coisa linda. Eles usam muita maçã, framboesa, damasco e frutas secas (nozes, amêndoas, castanhas).  Pedi um docinho que não há milagre que me faça lembrar o nome em alemão, mas era feito de amêndoas e MUITO gostoso (R$5,00 o pedaço). O Dan escolheu a meia-lua de nozes (strudel) -mesmo preço-, uma delícia também. E continuávamos com fome, então comprei um crepe de prestígio (super alemão hahaha). Aliás, um ponto negativo desse festival é que tinham BEM mais opções “normais”, como yakissoba, lanche de pernil, acarajé… Poxa, se eu vou em festival ALEMÃO, não quero comer yakissoba. E como muitos pensavam como a gente, todo lugar que vendia gostosura alemã estava super abarrotado.

Para beber queríamos chopp, é claro. O único diferentão que tinha era o Ashby (R$7,00 copo de 500 ml), leve e gostoso.

Além da comilança, tinham barraquinhas de artesanato (vi de tudo, de boina jamaicana à colar de pedras brasileiras, menos vendendo um chapéu verde pra eu entrar no clima), danças típicas, orquestra de crianças.

Dança típica alemã

Dança típica alemã

Com certeza visitaremos um restaurante bacana alemão pra postar aqui pra vocês. Mas, francamente, não sei se vale a pena ir a outro festival. Eu acho que uma cidade como São Paulo supre bem as necessidade que o Maifest quis apresentar pra gente, a não ser que da próxima vez vendam mais comida de pronúncia difícil e menos aquilo que acho todo fim de semana na feirinha da Liba. 🙂

Nossa nota
Ambiente: 2/5
Atendimento: 3/5
Comida: 4/5
Preço: 3/5

Site: http://www.sampaonline.com.br/maifest/
Endereço: Quadrilátero das ruas Joaquim Nabuco, Princesa Isabel, Barão do Triunfo e Bernardino de Campos – Brooklin
Preço médio por pessoa: $$ (R$20 a R$40)

Entry filed under: Entretenimento. Tags: , , , , .

Um lugar para jogar, comer e beber: Ludus Luderia! Super dica de inverno: festival de fondue no Hannover

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Um brinde a vcs que leem nosso blog!

dani e dan

Veja mais resenhas no…

Rodando em SP logo

%d blogueiros gostam disto: